Conheça alguns cuidados necessários com idosos

Seu portal de Saúde e Bem Estar

Conheça alguns cuidados necessários com idosos

A saúde dos idosos é um ponto que requer extremo cuidado, pois as pessoas de terceira idade têm o corpo mais frágil e um dos tratamentos que pode ajudar a deixá-los com mais qualidade de vida é a Criolipólise redução de peso.

Ela é um método de redução de gordura localizada que utiliza baixas temperaturas.

Funciona por meio de um aparelho específico, adequando a qualquer tipo de corpo, posto na superfície da pele, fazendo com que as células de gordura se congelem pelas temperaturas baixas e sejam destruídas.

O tratamento da criolipólise não é um tratamento de obesidade e sobrepeso, ela somente é um tratamento para os “pneuzinhos” localizados em algumas regiões do corpo.

Atenção, esse procedimento não pode ser realizado no rosto e sempre precisa ser feito por um médico, ou se for aplicado por outro profissional da saúde o médico precisa estar presente.

Também não requer uma preparação específica, pode-se consumir alimentos e fazer atividades físicas normalmente.

É um tratamento que pode ser feito em qualquer momento, causa um desconforto ou dor na hora da sucção e a duração da aplicação, em uma área de 20 x 20 centímetros, é de cerca de uma hora.

criolipolise pode ser realizada em mais de uma região no mesmo dia sem apresentar riscos aos pacientes.

O resultado pode aparecer após uma ou duas sessões, porém o tratamento precisa ser seguido até o final para alcançar o efeito máximo.

É um tratamento sem contra-indicações, entretanto, requer avaliações detalhadas antes de fazê-lo e não é indicada para pessoas com sensibilidade ao frio, com hérnia em locais da aplicação, infecções na pele, gestantes e quem passou por cirurgia recente.

Esse é um tratamento simples e pode ajudar os idosos a eliminar gorduras localizadas e ter mais qualidade de vida.

O que é uma pericardite?

Pericardite é uma inflamação da membrana que reveste o coração (pericárdio), um dos seus principais sintomas é muita dor no peito e o seu aparecimento pode ter diversas causas, mas a mais frequente é por meio de infecções.

Entretanto, o tratamento deve ser feito adequadamente para cada tipo de caso, na maioria das vezes, é feito por repouso e uso de analgésicos indicado pelo médico Cardiologista para tratar pericardites.

Existem alguns agravantes da doença e, por isso, ela precisa ser tratada de maneira correta, são elas:

  • Pericardite aguda;
  • Pericardite causada por bactéria;
  • Pericardite crônica;
  • Pericardite secundária;
  • Pericardite com derrame;
  • Pericardite constritiva.

A pericardite aguda pode ser causada por vírus ou de forma desconhecida, causando a inflamação do pericárdio.

O tratamento

O tratamento nesse caso pode ser dividido em: analgésicos para amenizar as dores; antipiréticos para baixar a febre; anti-inflamatórios não esteroides com indicação médica somente.

Remédio de proteção gástrica se apresentar dores em estômago ou úlceras; colchicina adicionada no anti-inflamatório e repouso até os sintomas desaparecerem ou serem controlados.

Pericardite causada por bactérias é combatida por uso de antibióticos. Além deles, pode-se usar anti-inflamatórios não esteroides, no entanto, nos casos graves o recomendável é internamento, drenagem do pericárdio ou remoção cirúrgica.

A inflamação denominada pericardite crônica é lenta e gradual do pericárdio, muitas vezes não se percebe os sintomas. Seu tratamento é para aliviar os sintomas com: medicamentos diuréticos que eliminam o excesso de líquidos.

E dependendo da progressão da doença é indicado o uso de medicamento imunossupressores ou cirurgia para remoção do pericárdio.

As pericardites secundárias se dão a partir da evolução de alguma doença e o tratamento precisa ser de acordo com a causa.

Normalmente é recomendado: anti-inflamatório não hormonal (AINH), Ibuprofeno, por exemplo; Colchicina que pode ser tomada junto com AINH ou separada (depende da medição recomendada) e Corticoides se não responderem à AINH e Colchicina.

A pericardite com derrame é o acúmulo lento de líquido no pericárdio e seu tratamento é realizado por meio de punção pericárdica para retirar o líquido acumulado, reduzindo os sinais inflamatórios.

O último tipo é a pericardite constritiva que desenvolve um tipo de tecido, igual uma cicatriz, no pericárdio, resultando em obstrução e calcificações, afetando o funcionamento normal do coração.

É preciso se atentar à saúde do idoso e fazer os exames periodicamente.

Benefícios da casa de repouso para idosos

Uma casa de repouso pode ser um ótimo lugar para descanso e melhores cuidados para os idosos, pois eles podem ter um auxílio e um porto seguro.

Algumas pessoas de terceira idade possuem doenças específicas que podem interferir na qualidade de vida, como o Alzheimer. Embora a família trate com devido cuidado, às vezes, precisam de um zelo maior e por mais tempo.

Também entra na questão de disponibilidade dos familiares que, às vezes, abandonam empregos, amigos, entre outras coisas para cuidar do idoso em tempo integral.

E tem a questão da estrutura, infelizmente, muitas pessoas de terceira idade ficam sozinhas em casa, dificultando em sua locomoção e, também, correndo o risco de acidentes.

Um Asilo para idosos particular supre todos esses aspectos e, ainda, proporciona trocas de experiências entre outros idosos da mesma faixa-etária, estimulando a convivência e com um corpo clínico à disposição.

Contudo, cabe à família e o idoso conversarem para decidirem o que é o melhor para se fazer.

Caso opte pelo asilo, verifique qual ofereça as melhores condições (estruturais e de tratamento) e serviços que a casa oferece.

Fique de olho e investigue a instituição, ligue e faça visitas regularmente para que seu ente querido se sinta amado por todos os lados.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *