6 passos para se preparar para a chegada do bebê

Seu portal de Saúde e Bem Estar

6 passos para se preparar para a chegada do bebê

Algumas mulheres sonham com o momento em que serão mães. Porém, desde a gravidez, até o nascimento do bebê muitas coisas devem ser feitas, principalmente, para manter a saúde dos dois – mãe e criança – em perfeito estado.

Quer saber o que fazer nos próximos meses até que seu bebê chegue? Desde preparar a bolsa de maternidade para mãe e filho, até fazer um curso para aprender a trocar a fralda, confira o check list do artigo a seguir.

1. Calcule seu orçamento mensal

Faça os cálculos para descobrir quanto dinheiro você terá por mês quando o bebê nascer, fazendo concessões para a sua renda quando estiver em licença de maternidade.

A partir disso você saberá se você pode realmente terminar de comprar o enxoval ou se é melhor esperar ganhar o que falta dos amigos e da família.

2. Prepare a bolsa maternidade

Os bebês têm o hábito de não chegar quando deveriam e é por isso que você deve ter sua bolsa maternidade pronta para ir algumas semanas antes da data marcada.

Além disso, se você tiver um carro, precisará de um bebê conforto para levar seu bebê para casa, quando vocês saírem do hospital. Aproveite o tempo livre para encontrar o estilo, modelo e design que você queira.

Lembre-se de deixar ajustado e devidamente instalado no carro o bebê conforto para você não precisar se preocupar em ler todo o manual de instruções na porta do hospital, com seu bebê no colo.

3. Prepare o enxoval do bebê

Fraldas, roupas, lenços, um berço, monitor de bebê e assim por diante. A lista é grande, mas tente manter a ideia de comprar apenas os itens essenciais, a princípio, tais como o kit maternidade com mochila.

Pegar listas prontas de enxovais (para menina, menino ou ambos) na internet pode ser um bom começo para você ter ideia da quantidade que vai precisar inicialmente, principalmente, se for ter gêmeos.

Os primeiros meses de gestação são ideais para isso, pois você vai precisar visitar lojas e, consequentemente, andar bastante. Nos últimos meses de gestação, a vida fica mais lenta, você vai se sentir mais pesada e cansada. Aí é hora de colocar os pés para cima e descansar.

Você pode, ainda, organizar um chá de bebê distribuindo para amigos e familiares itens que faltam no enxoval. É uma boa oportunidade, também, para ampliar o estoque de fraldas, de todo os tamanhos possíveis.

4. Não perca as últimas consultas médicas

Pense em escrever um plano de parto e compartilhar suas ideias com seu obstetra. Isso fará com que você pense sobre a melhor opção de alívio da dor para você (se houver), considerando a possibilidade de uma cesariana e muitos outros fatores que poderiam afetar o nascimento do seu bebê.

Não deixe de ir nas últimas consultas médicas, pois é preciso saber:

  • Como anda o desenvolvimento do bebê;
  • A data prevista de parto;
  • Verificar o coração do bebê;
  • Tirar todas as dúvidas.

5. Prepare os irmãos mais velhos e animais de estimação

O novo bebê pode agitar o mundo de seus filhos mais velhos, ainda mais do que o seu. Felizmente, sua família tem vários meses para se acostumar com a ideia e há coisas que você pode fazer para preparar o terreno.

Muitos pais usam uma boneca para ajudar seu filho a entender o que está por vir. As crianças mais velhas ou pré-escolares aproveitam o jogo, e depois têm a situação como normal.

Uma boa ideia é pedir ajuda na arrumação do saquinho de maternidade. Assim, a criança se sentirá parte do processo e não ficará se sentindo isolada.

Os animais de estimação também se beneficiam dessa preparação especial. Treinadores podem oferecer aulas ou você pode usar livros, artigos ou vídeos para obter dicas sobre como lidar com seu animal de estimação perto do novo bebê.

6. Faça um diário do bebê

Com todas as consultas médicas, detalhes do dia a dia e vacinações, um diário é indispensável e tão necessário quanto as fraldas.

Lembre-se que participar de uma aula básica de recém-nascidos pode deixar sua mente à vontade ou conversar com uma mãe que você conhece sobre algumas dicas e conselhos.

Uma forma de relaxar e se preparar para o parto é fazer um curso de pilates para gestantes. Além do prazer que o pilates proporciona, você estará em contato com outras gestantes e poderá compartilhar informações relevantes.

Embora, provavelmente, nenhuma mãe na história do mundo tenha se sentido 100% preparada para a chegada do bebê, essas são algumas formas de você adquirir mais autoconfiança.

Mas lembre-se: ser mãe é significado de instinto e aprendizado. Você encontrará seu próprio ritmo, em pouco tempo. Então, faça uma massagem relaxante e descanse!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *